Últimas notícias

Foto SEEL 1

A orientação que faz a diferença

03/08/2018

Funcionário da Unidade Barra Funda da SOMOS Educação, Devair Sabino dos Reis, 48 anos, obteve aposentadoria especial após receber orientação do departamento jurídico do SEEL, coordenado pelo Dr. Takao Amano.

José Canário, diretor do SEEL, sabia que o colega Devair, conferente na empresa, com mais de 30 anos de contribuição para o INSS, sofria de um problema de saúde que poderia ser enquadrado na categoria “aposentadoria especial”, caso conseguisse comprovar com documentos a limitação da sua capacidade
laboral.

Devair, muito organizado, sempre guardou laudos e exames, proporcionando uma análise minuciosa do Dr. Carlos Magno e da Dra. Sueli Barros, ambos advogados especialistas em Direito Previdenciário, Trabalhista e Cível, indicados por José Canário e pelo presidente do SEEL, o companheiro Daniel Paulo, para cuidarem dos trâmites de sua ação na esfera administrativa do INSS.

Após três meses da entrada do pedido de benefício na Agência do INSS, nosso amigo estava apreensivo com a ameaça de não conseguir em tempo sua aposentadoria, caso a Emenda Constitucional que previa a famigerada Reforma da Previdência fosse aprovada pelo Congresso Nacional.

O companheiro Devair Sabino teve, por fim, a sua situação reconhecida pelos peritos do INSS. Agradeceu ao SEEL pela orientação jurídica e pela competência e agilidade dos profissionais Carlos e Sueli.

O Dr. Carlos frisou a importância de se programar a aposentadoria, guardando exames e laudos que possam ser usados para enquadramento em aposentadorias especiais, conforme o grau da limitação de cada trabalhador e trabalhadora, seja leve, moderada ou grave.

Caso você esteja (ou conheça alguém) com algum problema similar, o SEEL atende aos associados por meio do telefone (11) 5908-8230 e pelo e-mail <seel@seel-sp.org.br>. Já os doutores Carlos Magno e Sueli Barros estão à disposição para informações no telefone (11) 4172-1002, ou pelo e-mail <carlosmagnumadv@gmail.com>.

Equipe do SEEL reunida com o trabalhador Devair e o Dr. Carlos Magno Fotos: Arquivo SEEL

Compartilhe: